Depois de algumas semanas com uma programação especial, estamos de volta com tudo para discutir as novidades do SEO. 

E que novidades!

Nesta edição damos destaque para a parte técnica, que ganhou um FAQ sobre Rich Text e Search Console, listagens de varejo no knowledge panels e algumas dicas dos especialistas Google. 

Também temos boas notícias para os fotógrafos – e para nós que usamos suas fotos – e fechamos com uma grande dúvida: será que vem aí um player pra desbancar o todo poderoso Google?

Partiu descobrir!

SEO Técnico

Dados estruturados de atividades domésticas na Pesquisa Google

Novos documentos de desenvolvimento de pesquisa para este tipo de dados acabaram de ser adicionados pelo Google. 

Os resultados avançados vão dar aos usuários mais detalhes sobre atividades que você pode realizar em casa, como assistir a aulas e eventos online

Vale lembrar que os resultados avançados da Pesquisa Google podem trazer mais exposição e visibilidade para o seu site, mesmo se ele não for o número 1. 

FAQ Rich Results & Search Console 

O Google está sempre realizando conferência para webmasters e uma das mais recentes foi sobre Rich Results e Search Console.

O vídeo está disponível aqui, mas não deu tempo de Daniel Waisberg, Search Advocate no Google, responder todas as dúvidas que surgiram.

A solução? Um FAQ.

Ele é longo e detalhado, do jeito que nossos especialistas técnicos precisam pra aprender mais sobre o assunto. 

Opinião do Bazon:

“A estruturação de dados é cada vez mais importante para o SEO. Além de essenciais para criar os rich snippets e possibilitar a conquista de SERP features, como a nova de home activities, os dados estruturados ajudam o bot a rastrear e compreender a relevância da página com mais facilidade.

O Google oferece uma vasta documentação sobre dados estruturados, entretanto, recomendo que estudem a fundo schema.org, pois é possível é importante utilizar os dados estruturados de forma integrada e criativa. 

Por exemplo, combine dados de produtos com especial offers and páginas de categorias. Incremente os dados de organization com localmarkup e por ai vai“.

Mais opções para varejistas

No início deste ano, o Google lançou uma nova maneira para os usuários encontrarem produtos de varejo na Search e agora avisou que listagens de varejo gratuitas chegarão aos knowledge panels.

As novidades permitem que os varejistas tornem as informações sobre seus produtos visíveis para milhões de usuários do Google sem pagar nada por isso.

A melhor forma de fazer isso é anotando as informações do produto no site usando a marcação schema.org ou enviando essas informações diretamente para o Google Merchant Center, mas o Google também dá algumas outras dicas para ter esse benefício.

Opinião do Bazon: 

“Pelo que pude apurar, o Google Shopping ainda não está liberado gratuitamente no Brasil.

Mas o artigo enfatiza a importância de trabalhar com dados estruturados de produtos nas páginas de produtos e também recomenda a utilização das novas diretivas para a meta tag robots.

Basicamente, essas diretivas são as mesmas que podem ser usadas para controlar o que aparece nos snippets, como tamanho do texto, imagem e até duração do vídeo.

Eu, particularmente, não perco tempo com esse tipo de configuração, deixo o bot rastrear e indexar o que ele quiser, como ele quiser.”

John Muller responde sobre data de edição

Uma usuária perguntou para John Muller no Twitter se alterar a data da última modificação de uma página com muita frequência causaria problemas.

Ele respondeu, e a discussão sobre documentos do Google em XML Sitemaps e o campo lastmod foi boa. 

Opinião do Bazon: 

“Para situações como essa procuro usar o senso comum e sigo a recomendação do John. 

Não tenho muito o que falar aqui.

A não ser, verifique se o seu sitemap contém a tag <lastmod>. É por ela que o Google identifica se a página sofreu alterações e deve voltar para rastreá-la.” 

Conteúdo

John Muller responde sobre número de palavras

O Google já afirmou várias vezes que a contagem de palavras não é um fator de classificação, nem é um indicativo de qualidade. 

Conteúdos curtos podem atingir boa classificação e ter boa qualidade. 

Se você ainda não acredita, aqui está John Muller reforçando o coro em seu Twitter:

Opinião do Bazon:

“Intenção e contexto são muito mais importantes que volume.

Procurem analisar a página de resultados para os termos que desejam obter um bom posicionamento. Entendam o que os usuários procuram e responda essas dúvidas.

Entender e endereçar a intenção de busca é o segredo para chegar ao topo.”

Digital PR de mãos dadas com SEO

Dessa vez não sou eu quem estou falando, e sim Kevin Lee, CEO da agência DidIt e também presidente da Giving Forward.

Nesse vídeo, ele foi entrevistado por Barry Schwartz, e mostrou como você pode dominar os resultados da pesquisa aproveitando as relações públicas online. É só dar o play!

Opinião do Bazon:

“Há tempos essa é a nossa abordagem em link building e esse vídeo retrata no detalhe o quanto isso é importante.

Evitem práticas como Guest Blogging e troca de links, técnicas que ainda são amplamente exploradas aqui no Brasil, mas que vem perdendo efetividade.

Foque em atrair e merecer os links, não em ficar suplicando por um link que não terá muito valor.”

SERP

15% das buscas são inéditas

É isso aí: quando a gente achava que já tinha pesquisa de tudo no Google, descobrimos que 15% das buscas realizadas em 2020 são novas em folhas, feitas pela primeira vez neste ano. 

O número não é surpreendente, ele tem se mantido estável desde 2013. 

Quem confirmou o dado foi Danny Sullivan, do Google, em seu Twitter.

Opinião do Bazon:

“Mais um motivo para focar na intenção dos usuários e deixar de colocar tanta ênfase em métricas como volume de busca.

Pense em intenção e contexto.”

Nova licença em Imagens

Depois de testes desde fevereiro, o Google lançou oficialmente rótulo e filtro de imagem “licenciável” em sua pesquisa por imagens, um selo alimentado por dados estruturados que vai ajudar fotógrafos a serem pagos por suas fotos.

O Google também mudou o filtro de pesquisa de “Direitos de uso” e agora dá pra pesquisar imagens com licenças criativas comuns ou imagens comerciais gratuitas. 

Eis aqui a aparência dessa novidade:

imagem de serp em mobile com pesquisa sobre veleiros mostrando novo filtro de licença do google
imagem da serp em desktop com opção de filtro de licença à mostra

Opinião do Bazon:

“Não usa dados estruturados em suas imagens ainda … tic, tic, tic.

Sobre o filtro, bastante útil para evitarmos emprestar imagens que podem nos causar um probleminha. Já marcação semântica é importante para proteger suas imagens.”

Concorrência

Vem player novo por aí…

Pois é, já está na hora de um concorrente de peso pro Google, e parece que a Apple pode cumprir esse papel. 

Ao que tudo indica, em breve a empresa poderá lançar um mecanismo de pesquisa para competir com nosso buscador favorito

Os especialistas acreditam que um search engine da Apple funcionaria de um jeito completamente novo, pois a empresa simplesmente gosta de fazer tudo diferente.

Talvez se trate mais de um hub de dados personalizado do que qualquer outra coisa. 

Será? 

Opinião do Bazon:

“Imagine uma SERP sem anúncios? 

O sonho de toda agência de SEO e/ou profissional da área. Não é verdade?

Vamos esperar para ver. Conhecendo a Apple, ela não dá ponto sem nó.

Tenor Oremos Jesus Gif

É tanta notícia que quase nem dá pra acompanhar! 

Se ficar com alguma dúvida ou quiser trocar uma ideia, é só me chamar. Mas compartilha aí: #HHGSEONEWS. Vamos levar a palavra do SEO pra todo mundo que precisa dela!

can we get an amen!!

Vejo você na próxima!


Receba agora, tudo sobre o mundo do SEO no seu email.


Latest Hedgehog Blog Posts

Core Web Vitals – Guia prático para SEOs e Desenvolvedores

Desejo do Google é otimizar e melhorar, ainda mais, o diálogo entre site e usuário Conheça a iniciativa Core Web Vitals do Google,  saiba como ...

Desejo do Google é otimizar e melhorar, ainda mais, o diálogo entre site e usuário Conheça a iniciativa Core Web Vitals do Google,  saiba como ...

Google Analytics 4. Google anuncia novidades sobre a ferramenta

Lançamento é continuidade de um pacote lançado em 2019 e dá aos SEOs mais poder dentro das equipes de marketing E este ano não para ...

Lançamento é continuidade de um pacote lançado em 2019 e dá aos SEOs mais poder dentro das equipes de marketing E este ano não para ...

SEO para Google Shopping. Grátis globalmente e com muita otimização nessa história

Mais um efeito das ações do Google para incentivar as vendas online. Google Shopping grátis para todo o mundo! É isso mesmo que vocês leram, ...

Mais um efeito das ações do Google para incentivar as vendas online. Google Shopping grátis para todo o mundo! É isso mesmo que vocês leram, ...